07
Mai 13

A Torre Eiffel, em francês: Tour Eiffel, é uma torre erigida em ferro treliçado, no século XIX. Foi idealizada para funcionar como o arco de entrada, da primeira Exposição Universal de 1889, que decorreu em Paris e foi inaugurada no mês de maio, para assinalar o centenário da Revolução Francesa. Uma estrutura revolucionária para a época. Ainda hoje, é um dos principais símbolos de Paris e de França.

A torre ainda em construção.



Localizada em Champ de Mars, na romântica cidade de Paris, tornou-se um ícone mundial de França e uma das estruturas mais reconhecidas do mundo. A Torre Eiffel é o monumento pago mais visitado do mundo. Milhões de pessoas sobem à torre a cada ano.


A sua denominação resulta da homenagem ao seu projetista, o engenheiro Gustave Eiffel, que nasceu em Dijon, em França, em 1832, e graduou-se pela Ecole Centrale des Arts et Manufactures, em 1855. Eiffel também foi o responsável pela estrutura interna da Estátua da Liberdade, patente em Nova York.



A torre tem 324 metros de altura. Até a época da construção da Torre Eiffel, a edificação mais alta, erguida pelo homem, era a Grande Pirâmide de Quéops, no Egito, com 138 metros de altura, e quase cinco mil anos de idade. A Torre Eiffel permaneceu como a construção mais alta do mundo, desde a sua conclusão até 1930, quando perdeu esta categoria para o Chrysler Building, em Nova York, Estados Unidos. Não incluindo as antenas de transmissão, a Torre é a segunda estrutura mais alta de França, ultrapassada apenas pelo Viaduto de Millau, concluído em 2004.


A torre tem três níveis para os visitantes. Os ingressos podem ser adquiridos nas escadas ou elevadores do primeiro e do segundo nível. A caminhada para o primeiro nível é superior a 300 degraus. O acesso ao terceiro e mais alto nível só é possível por elevador. Do primeiro andar, que dispõe de lojas, pode avistar-se toda a cidade. No segundo nível está instalado um restaurante.


A torre tornou-se o símbolo mais proeminente da cidade de Paris e de França. Tem servido de cenário reproduzido em dezenas de filmes, cuja ação decorre na bela cidade de Paris. 


O seu estatuto de ícone é tão vincado, que ainda serve de símbolo a todo o país, tal como quando foi usada logótipo da candidatura francesa, com o intuito de sediar naquele país os Jogos Olímpicos de Verão de 1992.



publicado por Isabel Botelho às 09:45

Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11





mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO