01
Jun 13


Marilyn Monroe, nasceu sob o nome Norma Jeane Mortenson a 1 de junho de 1926, na Califórnia, e morreu a 5 de agosto de 1962, apenas com 36 anos.

 





























norte-americana  foi atriz, cantora e modelo. Participou em mais de 30 filmes que se tornaram um sucesso durante os anos de 1950 e 1960, e fizeram dela uma "sex symbol".


Depois de passar uma boa parte da sua infância em lares adotivos, Monroe enveredou por uma carreira de modelo, o que lhe rendeu um contrato no cinema com a 20th Century-Fox, assinado em 1946. 


As suas participações nos primeiros filmes eram curtas, mas as suas interpretações em The Asphalt Jungle,  e em All About Eve aumentaram o seu protagonismo. 


Tendo sido a primeira mulher a posar para a revista Playboy, granjeou protagonismo e chamou a atenção do público. 


Sob as luzes da ribalta, em 1952, teve seu primeiro papel principal em Don't Bother to Knock 4, ao que se seguiu, também com o papel principal, Niagara, um filme melodramático onde teve oportunidade de extravasar o seu poder de sedução.


A sua suposta personalidade de "loira burra" foi usada em filmes posteriores como Gentlemen Prefer Blondes (1953), How to Marry a Millionaire (1953) e The Seven Year Itch (1955).


Monroe estudou na Actors Studio, a fim de desenvolver as suas capacidades de interpretação, para seu próximo filme dramático, Bus Stop (1956), que foi aclamado pela crítica e recebeu uma nomeação para os Globos de Ouro.


A sua produtora, a "Marilyn Monroe Productions", lançou The Prince and the Showgirl (1957), pelo qual recebeu uma nomeação para os prémios BAFTA e ganhou o prémio italiano David di Donatello.


Marilyn recebeu um Globo de Ouro pelo seu desempenho em Some Like It Hot (1959). O último filme concluído de Monroe foi The Misfits (1961), onde contracenava com Clark Gable     cujo argumento era do seu, então marido, Arthur Miller.
As circunstâncias da sua morte nunca foram claras e foram atribuídas a  uma overdose de barbitúricos, mas continuam a ser objeto de especulação. Embora oficialmente classificada como um "provável suicídio", a possibilidade de uma overdose acidental, bem como de homicídio, não foram descartadas. 


Em 1999, Marilyn Monroe foi classificada como a sexta maior estrela feminina de todos os tempos, pelo American Film Institute. Nas décadas seguintes à sua morte, tem sido frequentemente referida, tanto como um ícone pop e cultural, assim como um símbolo sexual. Em 2009, um canal americano elegeu-a como a mulher mais sexy de todos os tempos.
publicado por Isabel Botelho às 20:56

Junho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
14
15

20

23
26
27
28
29

30


mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO